Como fazer HIIT– Com Gui Castelo Branco

Esqueça um pouco a técnica de ficar caminhando durante longa uma hora – isso não é sinônimo de muitas calorias queimadas. Muitos estudos ao longo dos anos comprovaram que o HIIT (High Intensity Interval Training, em inglês) é ideal para quem busca melhorar de maneira rápida a sua condição cardiorrespiratória e conquistar resultados na balança a curto prazo. Mas a questão é: como fazer HIIT? O Gui Castelo Branco ensina como fazer um HIIT de até 30 minutos na esteira de maneira fácil, fácil.

Dicas práticas: como fazer HIIT

Ao contrário do aeróbico em jejum (link para matéria), o ponto chave do exercício é manter os batimentos cardíacos entre 80% e 100% da frequência cardíaca máxima. Sim, é bem cansativo. Por isso não é possível passar mais de 30 minutos realizando o mesmo tipo de estímulo.

Como fazer HIIT é bem simples: intercale um a dois minutos de caminhada com um a dois minutos de atividade intensa. No caso da esteira, você pode caminhar por dois minutos e ir na sua velocidade máxima por um minuto. Com essa variação de estímulo, você eleva sua taxa metabólica por mais tempo e põe seu corpo no máximo esforço.

E por que faz tanto sucesso?

Nos últimos 10 anos estudos demonstraram que os benefícios do HIIT são comparáveis e, por vezes até melhores, com os de outros tipos de treinos. A explicação que esses artigos fizeram é de que, por causa da alta intensidade promovida pelo HIIT, o coração não consegue bombear de forma eficiente. Mas calma, isso não é grave.

O oxigênio não é enviado de forma tão rápida quanto necessária para todos os músculos do corpo. E é nesse ponto que começa uma série de respostas moleculares para o corpo se adaptar ao novo estímulo. Essa adaptação pode ser feita ao melhorar sua capacidade cardiorrespiratória ou ao utilizar a gordura como energia. Por isso, saber como fazer o HIIT da maneira certa traz tantos benefícios.

Benefícios do HIIT

  • Ajuda a saúde do coração

Em estudo publicado pelo International Journal of Cardiology verificou-se que o HIIT eleva significativamente a condição cardiorrespiratória de pacientes que possuem problemas cardíacos. Além disso, a pesquisa verificou que aqueles que faziam o HIIT tinham um coração mais saudável do que aqueles que faziam treinos moderados e constantes, como uma corrida leve de uma hora.

  • Aumenta a queima de gordura

Outro estudo, este publicado International Journal of Obesity chegou à conclusão que as pessoas que fazem o HIIT têm uma maior perda de peso do que aqueles que praticam atividade física leve a moderada. E uma descoberta chave: a perda de peso era graças à queima de gordura.

Ao verificarem como fazer o HIIT de maneira correta, os participantes perderam gordura no corpo inteiro, não só nos braços ou nas pernas. Ou seja: benefício para o corpo inteiro.

  • Faz você se sentir bem

Sabemos que após a prática de exercícios físicos soltamos a endorfina, responsável pela sensação de bem estar. Mas o HIIT potencializa isso. Um recente estudo realizado por pesquisadores da Universidade de Turku constatou que o HIIT libera ainda mais endorfina no cérebro do que outras atividades leves a moderadas. Só para recordar: a endorfina é um neurotransmissor que possui ação analgésica, promove sensação de bem-estar e melhora até o seu humor.

  • Seguro para cardíacos

Obviamente, como todo exercício físico, antes de começar converse com o seu médico. Com o aval de seu médico, se você é cardíaco não precisa se preocupar em relação a intensidade do HIIT. Pesquisadores da Noruega[4] analisaram mais de 50.000 horas de dados provenientes de outros estudos relacionados ao HIIT. Foi constatado que em mais de 7 anos de dados apenas 2 pacientes tiveram complicações – ambos não fatais.

Qual tipo de HIIT você mais gosta?

Agora que você já sabe como fazer HIIT e os seus benefícios, você pode escolher a esteira (como Gui Castelo Branco aconselha) ou qualquer outra modalidade para realizar o HIIT. Você pode fazer na bike, na corda naval ou até no transfer. Qual é o seu predileto?

Postagem mais antiga Postagem mais recente

0 Comentarios

Não há comentários ainda. Seja o primeiro a postar um!

Deixe um comentário